Evento

Semana do Quadrinho Nacional ganha sua 6ª edição abrindo o calendário de eventos

27 de janeiro de 2020 o primeiro evento de quadrinhos do ano acontece na Fundação Cultural do Pará e chega cheio de novidades.

Desde 2013, o evento voltado para artistas e fãs da 9.ª arte. A Semana do Quadrinho Nacional chega a sua 6.ª edição e em como todos os anos fazem uma retrospectiva do que aconteceu de mais relevante no mercado de quadrinhos paraense.

Desde 2013, o evento voltado para artistas e fãs da 9.ª arte. A Semana do Quadrinho Nacional chega a sua 6.ª edição e em como todos os anos fazem uma retrospectiva do que aconteceu de mais relevante no mercado de quadrinhos paraense.


Marcando o calendário dos eventos gratuitos o encontro dos quadrinistas acontece na capital paraense nos dias 27 a 31 de janeiro, em tempos em que eventos do gênero estão mais inclinados para interesses apenas comerciais deixando os quadrinhos e autores meio que de lado. A Semana acaba se tornado um polo para debate e reflexão.

O principal objetivo do evento é colocar em destaque o quadrinho, produzido no Brasil, e mais específicamente, o que é produzido no Pará, assim como valorizar o quadrinho como linguagem e forma de expressão artística. Disse Andrei Miralha um dos coordenadores do evento.


Por muitas vezes o quadrinista pesquisa, imprime e distribui seu trabalho tirando do seu próprio bolso. É onde mora a importância de um evento voltado para ocupação desses espaços por parte de artistas independentes e a criação de uma ligação entre o seu público e quem sabe novos leitores não tão habituados à leitura de quadrinhos.


 

Ao longo desses 7 anos de Semana do Quadrinho Nacional, já foram abordados diversos temas nas palestras e bate-papos. Desde questões relativas à produção, mercado e linguagem quanto a produções acadêmicas. Já foram debatidas questões bastante pertinentes da atualidade como a representação do negro e o feminismo nos quadrinhos. A Semana vai contar com novidades que serão reveladas assim que a programação estiver fechada.


30 de janeiro, é o Dia do Quadrinho Nacional, data de publicação do primeiro quadrinho brasileiro, em 1869, chamado As Aventuras de Nhô Quin ou Impressões de uma Viagem à Corte, de Ângelo Agostini, um italiano que firmou carreira no Brasil.


Foi comemorado pela primeira vez em Belém no ano de 1991 na Casa da Linguagem, proposto pelo grupo de quadrinhos Ponto de Fuga, que também participou da organização do evento. De lá pra cá, a data vinha sendo comemorada por grupos de quadrinhos e quadrinistas em parcerias com órgãos públicos da área de cultura como a Casa da Linguagem, Curro Velho e Centur, dentre outros, até se tornar um evento realizado regularmente pela (FCP).


Serviço:
6.ª SEMANA DO QUADRINHO NACIONAL — 2020
Dias: 27 a 31 de janeiro 
Local: Sede/Centur — Fundação Cultural do Pará (Av. Gentil Bitencourt, 650 — Batista Campos, Belém — PA).
Entrada: franca

Coment√°rios